Deuses Egípcios

O número total de deuses do panteão egípcio é enorme. Todos são imortais, portanto não envelhecem e não podem ser mortos, pois nasceram diretamente no líquido primordial chamado de Nu. No entanto, dois panteões diferentes rivalizam a ideia de existência primordial e representação de toda a criação. São eles: a Ogdóade e a Eneáde. Diferentes destes, há um terceiro grupo formado pelos deuses Terrenos, que vivem entre os homens e representam aspectos da humanidade.

 

Ogdóade

Os oitos deuses primordiais da Ogdóade não figuram como entidades individuais. Ele são parte de uma coletividade que representa o universo intangível e imaterial, sendo divididos em quatro pares, cada um com sua contraparte masculina e feminina. Eles são:

– Cosmos e Céu (Nu e Nut)

– Infinito e Eternidade (Hehu e Hehut)

– Sombra e Escuridão (Kuk e Kekuit)

– Consciência Universal (Amun e Amunet)

 

Enéade

Os nove deuses primordiais da Enéade representam o mundo físico e aspectos importantes da existência humana. Diferentes dos oito deuses anteriores, cada um possui a sua individualidade plena com diferentes relações entre si. Eles são:

, o deus-Sol.

– Chu, o deus-Ar.

Tefnut, a deusa-Água.

Geb, o deus-Terra.

– Nut, a deusa-Céu.

Osíris, deus da ordem.

Ísis, deusa do amor.

Set, deus da guerra.

Néftis, deusa do louvor.

 

Os Terrenos

Os deuses Terrenos também nasceram do líquido primordial do Nu, mas diferente dos panteões primordiais que possuem uma existência superior, os Terrenos possuem prazer na convivência humana acabando por desenvolver habilidades relacionadas com as atividades diárias da humanidade. São eles:

– Hórus            Deusa dos faraós

– Ptah              Deus dos artesãos

– Neith            Deusa da realidade

– Toth              Deus do conhecimento

– Sopdu           Deus do céus

– Maahes         Deus da violência

– Sekhmet       Deusa do poder

– Khepri           Deus da revelação

– Hórus             Deus da ordem

– Anúbis           Deus dos espíritos

– Onúris           Deus da guerra

– Mehit             Deusa da destruição

– Konshu          Deus dos viajantes

– Montu            Deus da destruição

– Knum             Deus das águas

– Sokar              Deus da escuridão

– Bastet             Deusa da caça

– Seshat

– Serket              Deusa da Cura

– Meret               Deusa do Canto

– Ihy                    Deus do Louvor